sexta-feira, 30 de março de 2012

Os buracos já estão... TAPADOS!

Num gesto a merecer aplauso lá apareceu esta manhã a "brigada do asfalto" da Secretaria Regional das Obras Públicas a tapar os buracos e desta vez como deve ser...
Afinal ainda existem pessoas na ilha ou quiçá, fora dela, que se interessam com imagem da nossa terra. 

Foto em 30.03.2012 

O Burro

Cópia da página de anúncios do jornal "Incentivo" de ontem...

O desgraçado do burro é que já está há 13 anos no Faial. Como diria alguém, Forte Teatro! 

quinta-feira, 29 de março de 2012

Os Buracos


Os buracos estão na moda e os nossos estão ali, mesmo na via de acesso ao porto e à espera de quem passa. Vem o Táxi, mergulha nos buracos. O carro particular, impeça nos buracos. Passeiam os turistas, desviam-se dos buracos. Desfilam os políticos, e ficam indiferentes aos buracos. Passam o camiões, aumenta a dimensão dos buracos. Vem a malta do Whale Watching e… caem nos buracos. Esteve cá a Berta Cabral, não reparou nos buracos. A câmara municipal não tapa os buracos. Será que antes da visita anunciada do Governo vão consertar os buracos?

Uma vergonha estes buracos!

Foto em 29.03.2012

Milão

A traineira "Milão" da Cofaco foi hoje (29.03.2012) colocada a nado pelo estaleiro do porto da Madalena.

Para a saída é necessário fazer o aprovisionamento da dispensa. Aqui é que entra o especialista na matéria o Sr. Daniel Rosa das organizações "Heltina".

Boa sorte à traineira "Milão", que tenha uma excelente safra em 2012. 

Fotos em 29.03.2012

terça-feira, 27 de março de 2012

Génova

No estaleiro do porto da Madalena foi colocada a nado hoje (27.03.2012) a traineira Génova do armador picoense Carlos Ávila. Em terra ainda ficaram as traineiras "Amanhecer", "Milão" e "Ponta dos Arcos".

Foto em 27.03.2012

segunda-feira, 26 de março de 2012

Movimento de carga

Navio Lusitânia da EBP e Paulo da Gama da TMG hoje, 23.03.2012 ao inicio da tarde, em serviço no porto da Madalena.

Obra do terminal de pasageiros

Aspecto das obras do novo cais de passageiros do porto da Madalena em 26.03.2012

domingo, 25 de março de 2012

Memórias - Terra Brava (ex-Maria Ligia)


Após o acidente da Maria Ligia a 14 de Outubro 1949 na Areia Larga, a lancha foi levada para Sto. Amaro do Pico e entregue a recuperação a Manuel Joaquim de Melo. A embarcação era para ter sido reparada como lancha de passageiros, mas com o crescimento notório da pesca do atum, a ELP decide transformá-la numa traineira.


É baptizada de Terra Brava e recebe a matricula H-5-C. Em 1968, já com a "Tunapesca" a laborar, a lancha é vendida a José Cristiano de Sousa, um dos sócios desta fábrica, e muda a sua matricula para SR-2-C. Foi abatida em 1998 já na posse da Sociedade Corretora em S. Miguel.

Ficha Técnica
Nome: Terra Brava
Matricula: SR-02-C
Indicativo de Chamada: CSTT
Numerto de Registo: PRT000016314
Comprimento Fora a Fora: 17,32 metros
Arqueacao Bruta e Liquida: 40,72 toneladas
Casco: Madeira
Ano de Constucao: 1954
Local de Construcao: Santo Amaro, Pico, Açores
Potencia de Motor: 125,03 kw ( ex 125,00 kw e 126,77 kw)

Suporte bibliográfico: "Maresias I" de Amilcar Quaresma

sexta-feira, 23 de março de 2012

Mau Tempo

Condições de trabalho quase impossíveis, hoje 23.03.2012, no molhe norte do porto da Madalena

quinta-feira, 22 de março de 2012

Álbum Fotográfico - Lançamento à água do "Terra Alta"

O "Terra Alta" foi lançado à água em 1947. O navio arreou em segundos. Nas operações estavam um grupo de rapazes novos incluindo o jovem mestre Manuel Joaquim das Neves. Estava destinado ao iate "Santo Amaro" a missão de o rebocar para o Faial a fim de colocar os motores. O "Santo. Amaro" não chegava e Manuel Joaquim  impaciente com a demora decide arriar assim mesmo, pois, segundo ele, com a velocidade que  ia descer só ia parar em S. Jorge. Decisão tomada e barco p'ra baixo, só que mal entrou na água parou porque o berço que levava empatou a velocidade. Começou a vir uma aragem do norte que empurrava o "Terra Alta" para uma baixa. Valeu o berço que encostou à baixa evitando um acidente. No meio de grande algazarra lá arriaram uma chata que passou um cabo ao navio rebocando-o lentamente para fora da zona de perigo onde ficou a aguardar a chegada do "Santo Amaro".

Bibliografia "Dos barcos de boca aberta aos navios a motor" de Manuel Vieira Gaspar

Portas do ...

De um leitor assíduo recebemos o seguinte comentário que transcrevemos na integra

"Sou um seguidor atento do Porto da Madalena, a minha visita é diária, igual ao meu vício do cafezinho da manhã. Para além do grande interesse dos assuntos, gosto também do sentido de humor colocado em muitas questões. Gostei da conotação “Portas do Canal” e infelizmente as obras vão fazer jus à história, sendo que a porta do Quintal foi reservada para o Pico, e a porta da Sala que tem sempre um puxador melhorzinho acompanhado de uma madeira mais fina e com bandeirola de vidros está obviamente do outro lado do canal…espero que mesmo assim, e tal como na vivência das nossas casas que a Porta do Quintal seja sempre a mais usada. Cumprimentos"    

   

quarta-feira, 21 de março de 2012

MEMÓRIAS

Transporte com música ao vivo

Cortesia de J. Laranjo

domingo, 18 de março de 2012

Obra do terminal de pasageiros

Trabalhos na obra das "Portas do Canal", terminal de passageiros do porto da Madalena.

Fotos em 17.03.2012 

Mestre Afonso

"Mestre Afonso", o navio almirante da fábrica de Sta. Catarina, já está a nado. Refira-se que a fábrica de Sta. Catarina tutelada pela Lotaçor, foi o primeiro armador a preparar os seus barcos para a época 2012.
As traineiras, "Bela Aurora" (fibra), "Maria Leontina" (madeira) e "Mestre Afonso (aço) compõe a frota deste armador. 

Fotos em 17.03.2012

quinta-feira, 15 de março de 2012

Transporte de Mercadorias no Canal

Embarque na Horta no "Cecilia A" de grua destinada à obra do terminal de passageiros em curso no porto da Madalena

Chegada ao porto da Madalena pelas 13:00 h do Lusitânia com carga diversa

Ainda a bordo do "Lusitânia" o Mitsubishi de rally de João Borges da empresa "Mais 18"

Fotos em 15.03.2012

O Submarino do Guindaste - 70 anos


Um submarino como este encontra-se afundado proximo da costa do lugar do Guindaste na freguesia da Candelária.


"(...) após o ataque, sem sucesso, ao "Llangibby Castle" um submarino do Reich refugiou-se na baía da Candelária (Ilha do Pico). 
Navio Inglês "Llangibby Castle" em reparação na Horta 
Detectado pelos destroyers britânicos, após rápido combate, o submarino foi afundado tendo os aliados recolhido alguns tripulantes do famigerado navio. 
Um oficial alemão foi recolhido no lugar do Guindaste por João Francisco da Rosa Júnior e Manuel Santos, o que lhes valeu terem sido agraciados pelo Instituto de Socorros a Náufragos com o Diploma de Medalha de Cobre onde consta: "Por no dia 2 de Fevereiro de 1942, no local do Guindaste, freguesia da Candelária (Ilha do Pico) haver concorrido para o salvamento de um oficial alemão náufrago de um submarino alemão". 

Bibliografia consultada "Maresias I" de Amilcar Quaresma

quarta-feira, 14 de março de 2012

Os carros do Rally

Da Horta para a Madalena, entre outras cargas, seguiram hoje no porão inferior do navio "Cecília A" uma parte das "máquinas" e carrinhas de apoio que vão estar presentes na VII Edição do Rally Primavera "Além-Mar" que se vai realizar em S. Roque do Pico nos dias 16 e 17 de Março.

Fotos em 14.03.2012

Cruzeiro do Canal com novo visual

O "Cruzeiro do Canal", presentemente em trabalhos de manutenção no estaleiro do porto da Madalena, vai alterar ligeiramente o seu esquema de pintura ficando igual ao seu irmão gémeo, "Cruzeiro das Ilhas". Retira o azul da popa e no restante casco abaixo do verdugo  que lhe conferia um certo ar de traineira da "frota azul".

Fotos em 14.03.2012

Repavimentação

O consorcio responsável pelo reforço do molhe norte do porto da Madalena já está a proceder à repavimentação das zonas mais afectadas pelas obras.

Foto em 14.03.2012

Dragagem no porto da Madalena

O "Coral da Horta" a dragar areia na zona onde irá nascer o novo cais de passageiros do porto da Madalena.

Fotos em 14.03.2012 

Whale Watching

Registo fotográfica da primeira saída para observação de Cetáceos em 2012 pela empresa Pico Sport.

Foto em 14.03.2012 por Dimas Aguiar

segunda-feira, 12 de março de 2012

Movimento Portuário

O areeiro "Coral da Horta" a descarregar areia para empresas de construção civil

O Cruzeiro das Ilhas na ligação Madalena - Horta das 14:00 h

O Cecília A  em descarga da Ligação Horta - Madalena

O atuneiro "Maria Leontina" de Santa Catarina colocado hoje a nado pelos estaleiros da Madalena

Manutenção do navio "Cruzeiro do Canal" e recolha do berço do "Maria Leontina" no estaleiro do porto da Madalena.

Fotos em 12.03.2012