terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Entretanto...

,,, a Delegação do Pico das Obras Públicas em parceria com a Câmara Municipal da Madalena estão a envidar todos os esforços para minimizar o problema tentando remover a maior quantidade possível de algas acumuladas no porto velho.

Foto em 05/01/2016

O porto e as pratas

O Sr. padre Marco Martinho, responsável pela igreja de Santa Maria Madalena, alertou ontem à Radio e Televisão publica Regional para o facto das pratas da igreja (com largas dezenas de anos) terem ficado de forma quase súbita com uma coloração acastanhada.
De forma legitima, o Sr. Padre coloca alguma desconfiança sobre o ar sulfuroso que tem invadido a vila da Madalena nos ultimos 3 meses, proveniente do apodrecimento das algas no porto velho. Registe-se que existe uma grande proximidade entre o templo e a zona problemática.
Além de ser um caso de saúde pública também já podemos dizer que nem os santos escapam!!

Imagens da RTP-Açores (Telejornal 04/01/2016)

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

(Des)troço

Para futuro conforto de todos os automobilistas que por cá circulam, procura-se o "dono" daquele (des)troço entre o moinho à entrada do cais comercial e a entrada sul do estaleiro.

Foto em 04/01/2016 que por sua vez é muito pouco elucidativa da desgraça que ali vai